Categories
Bem Estar

A Ligação Entre Prazer Sexual e Bem-estar

O prazer está intimamente ligado com a sua saúde física e mental.

Todos provavelmente já ouviram falar dos benefícios físicos de fazer sexo (ajuda o sistema imunológico, reduz a pressão arterial, queima calorias). Mas você está ciente da longa lista de benefícios psicológicos?

SEXO ALIVIA O ESTRESSE: Não é novidade para ninguém – nem para você – que altas doses de estresse podem acarretar em problemas sérios de saúde. O estresse é em grande parte o resultado de muitos fatores psicológicos interativos e pode variar significativamente entre as pessoas, podendo causar todos os tipos de problemas de saúde, desde dores de cabeça leves, dificuldades para dormir e tensão muscular, até problemas mais graves, como mau funcionamento do sistema imunológico e depressão crônica.

CONEXÃO: Há evidências de que estar perto de seu parceiro (física e emocionalmente) pode diminuir os níveis de estresse. A intimidade física pode desencadear a liberação de todos os tipos de substâncias químicas no cérebro, incluindo:

  • Dopamina – que desempenha um papel importante no comportamento motivado por recompensa, concentra a atenção e geralmente aumenta a motivação.
  • Endorfinas – os lutadores naturais contra a dor e o estresse do nosso corpo, e oxitocina – carinhosamente conhecida como “o hormônio do carinho”, que pode desencadear sentimentos de compaixão.

Depois do orgasmo, o corpo libera o hormônio prolactina, que geralmente leva à sonolência e a uma sensação geral de relaxamento. O conforto que acaba resultando em sono é uma resposta comum pós-orgasmo.

XÔ ANSIEDADE: Um estudo descobriu que fazer sexo todos os dias, durante quinze dias, diminuiu a ansiedade e levou ao crescimento de células no hipocampo (o centro da emoção) de roedores. Também há evidências sugerindo que o sexo regular reduz a pressão arterial relacionada ao estresse.

MAIS INTIMIDADE COM O PARCEIRO: Às vezes, por qualquer motivo, os casais simplesmente não fazem sexo regularmente. Isso pode ser o início de um ciclo vicioso: você ou seu parceiro não sentem vontade de fazer sexo, e então, eventualmente, você pode começar (conscientemente ou não) a se ressentir de seu parceiro por não fazer sexo, e você gradualmente fica cada vez mais distante, eventualmente nem querendo fazer sexo com seu parceiro. Por mais óbvio que possa parecer, o sexo regular com seu parceiro faz uma grande diferença em como você se relaciona com ele. Ser íntimo de seu parceiro, com frequência, permite que você se conecte emocionalmente com ele em um nível muito mais profundo.

SE DIVERTINDO SOZINHO: Quando o sexo não é uma opção, o orgasmo não pode ser deixado de lado, uma vez que é por conta dele que conseguimos aliviar o estresse e melhorar nosso humor. A ideia é que, mesmo sozinho, você consiga se divertir e por quê não investir em acessórios para deixar a brincadeira ainda mais excitante? Na Naked, você encontra uma série de produtos que estimulam o seu prazer e, consequentemente, auxiliam na redução do stress. Conheça clicando aqui.